artivista-social.png

Jardim de Homens

Beto Dertoni

O Homem vai e volta.
(o tempo passa)

Constrói, com suas próprias mãos, um caminhar.
(os amigos, como luzes, estão sempre a sinalizar)

Com dor e sofrimento,
Qual uma semente,
Aprende a se levantar.

Olha a luz que vem do alto
E a recebe em seu coração.
Então, brota de si uma rosa
Que dá como alimento a seu irmão.

Dou a ti minha rosa
E a tua, recebo com alegria.
Estamos todos a formar
Um belo e imenso jardim,

Onde o sorriso alegre da esperança
E o olhar suave da compaixão
Estarão sempre a regar.